CULTURA E VARIEDADES

Professor e egressa da Unochapecó tem projeto de filme premiado em Cuba

Panarotto e Sabrina no evento Nuevas Miradas

Conhecido por prestigiar novas propostas cinematográficas da América Latina, este ano a 11ª edição do Nuevas Miradas, evento promovido pela conceituada Escuela Internacional de Cine y TV (EICTV), de Cuba, contou com representantes brasileiros. O projeto ‘Papel Carbón’, do professor da Unochapecó Roberto Panarotto e da egressa do curso de Produção Audiovisual e da pós-graduação em Cinema da Universidade, Sabrina Zimmermann, foi contemplado com dois importantes prêmios. De malas prontas, os cineastas agora se preparam para viajar ao México e participar do Encuentro de Coproducción no Festival de Cine Internacional de Guadalajara (FICG), que acontece em março.

Intitulado ‘Papel Carbón’, o projeto foi um dos 14 selecionados na categoria longa-metragem de ficção e documentário. Ele foi apresentando durante o evento, realizado de 11 a 15 de dezembro do ano passado. Na banca estavam presentes avaliadores de diferentes lugares do mundo. Conforme Sabrina, a participação no evento foi intensa. “Foram quatro dias de imersão no meio cinematográfico da América Latina, conversando com realizadores, professores e orientadores”, explica.

Apesar do pouco tempo para desenvolver o projeto e dos fortes candidatos na categoria, muito mais do que a experiência, os cineastas foram agraciados com um passe para o Festival de Guadalajara e a pós-produção de imagem do filme. O trabalho será desenvolvido pela empresa mexicana VFX Guys, considerada referência no mercado cinematográfico. A oportunidade de ir ao México é uma grande chance para garantir a estabilidade do projeto por meio da captação de possíveis parceiros, recursos e apoiadores. “Roberto e eu brincamos que agora vamos ter que fazer o filme, pois temos parceiros que acreditam na nossa ideia, o que é lindo”, comenta Sabrina.

Referência no cinema

Atualmente, Sabrina estuda na Escuela Internacional de Cine y TV e, após algumas conversas com o professor, surgiu a ideia da elaboração de um longa-metragem para apresentar na 11ª edição do Nuevas Miradas. Foram três meses desenvolvendo o projeto, pensando no roteiro, no orçamento e no plano de financiamento para a viabilidade do filme.

Por ser uma escola conceituada quando se fala em cinema, além da oportunidade de aprendizado para ambos, o prêmio também possibilita novos contatos, necessários para a sua realização. “O cinema é uma arte coletiva, então é muito importante avaliar o projeto ainda no papel, para que no momento de se fazer o filme ele consiga se comunicar da melhor maneira com o público”, conta Sabrina.

O roteiro do longa-metragem Papel Carbón está em processo de criação e, se viabilizado, será dirigido por Panarotto. A produção será de Sabrina Zimmermann. O projeto é estimado numa categoria média de investimento, dentro da realidade brasileira de valores de filmes de médio porte, e tem previsão para ser realizado até 2020.

Sinopse

“O caminho de três pessoas se encontram em um mundo onde a depressão cada vez mais forma parte do cotidiano. O amor impossível entre um cantor suicida e Dandara, Joaquim e seu grupo de amigos e uma professora que não consegue ter relações humanas. Histórias que se cruzam e se repetem como cópias feitas por um Papel Carbono.”

Texto Juliane Bee* – *Estagiária, sob a supervisão de Greici Audibert.

Foto: Nuevas Miradas

Sobre o autor

Flash Vip

Flash Vip

Revista catarinense com foco em cultura, comportamento, variedades e o que mais for pautado pelo cotidiano.

Deixe seu comentário

Gestor Box